Informações pessoais Informações Pessoais
Ciência e Tecnologia Ciência e Tecnologia
Embarcadero Delphi Delphi
Para Sua Área Profissional Área Profissional

Sistemas Operacionais


SISTEMAS OPERACIONAIS



 

Sistema operacional LinuxO Sistema Operacional (SO) um programa que controla e coordena todas as operaes de um sistema de computao, servindo de "base" para a instalao de outros programas no computador. Ele serve, tambm, de interface entre o computador e o usurio, proporcionando uma aparncia mais amigvel e intuitiva para a utilizao dos recursos oferecidos.
 

Sistemas Monotarefa

Os primeiros Sistemas Operacionais eram tipicamente voltados para a execuo de um nico programa. Qualquer outra aplicao, para ser executada, deveria aguardar o trmino do programa atualmente em execuo. Este tipo de sistema se caracteriza por permitir que o processador, a memria e os perifricos dediquem-se, exclusivamente, a um nico programa. 

Estes sistemas, chamados de monotarefa, enquanto um programa aguarda por um evento, como a digitao de um dado pelo usurio, oMS-DOS processador permanece ocioso, sem realizar qualquer tipo de processamento.

A memria subutilizada caso o programa no a preencha totalmente, e os perifricos, como discos e impressoras, esto  sempre espera de um nico usurio, nem sempre utilizados de forma integral - o que torna o sistema, tambm, monousurio.

Um exemplo tpico de sistema monotarefa o MS-DOS. Apenas uma janela era aberta e apenas um usurio utilizava os seus recursos. No havia condies de compartilhamento em rede ou qualquer coisa relacionada.

Mesmo as primeiras verses do Windows, que j foram chamadas de multitarefa, no possuam esta caracterstica de fato, pois eram executadas sobre o MS-DOS. Para procurar contorna essa limitao, emulava-se a multitarefa, mas o ncleo do programa fazia a sua prpria gesto dos processos. Se um processo bloqueasse o Windows, todas as aplicaes teriam que ser terminadas pois eram todas dependentes.
 

Sistemas Multitarefa

Num sistema operacional multitarefa, vrias aplicaes podem utilizar a memria ao
mesmo tempo. O SO define quais so os processos entre os quais o usurio poder alternar-se. como se o tempo do processador fosse dividido em "fatias": num momento, ele atende um programa; depois, atende outro programa.

 

No confunda multitarefa com multiprocessamento. O desenvolvimento paralelo e simultneo de vrios programas s possvel em sistemas com uma arquitetura de multiprocessador, isto , em sistemas equipados com mais do que um processador.

Aquilo que se designa por multitarefa a possibilidade oferecida pelo SO de gerenciar o funcionamento do processador e da memria, de forma que vrios programas possam, aparentemente, funcionar simultaneamente. So exemplos de SO multitarefa: Unix, Novell, VM, Windows NT, Windows XP e Windows 2000.

As principais caractersticas de um SO moderno so:

  • interface extremamente amigvel com usurio final
  • recurso Plug and Play
  • suporte a rede e a Internet
  • aproveitamento mximo dos recursos de hardware disponveis
  • compatibilidade com programas feitos para verses anteriores do mesmo SO e com programas destinados para outros SOs
  • disponha de segurana aos dados e privacidade ao usurio
     
  • multitarefa preemptiva
     
  • multithreading
     
  • no vulnervel a crash, travamentos ou deadlock.

 

O que so deadlocks

Deadlock ("impasse" em ingls), no contexto do sistemas operacionais, caracteriza uma situao em que ocorre uma situao aparentemente sem soluo e dois ou mais processos ficam impedidos de continuar suas execues, ou seja, ficam bloqueados. Trata-se de um problema bastante estudado no contexto dos SOs, assim como em outras disciplinas.

O deadlock ocorre quando um processo est aguardando a liberao de um recurso por um outro processo que, por sua vez, aguarda a liberao de outro recurso alocado ou dependente do primeiro processo, criando uma dependncia circular.

Por Exemplo:

  • Imagine um processo 1 que  precisa dos recursos A e B pra funcionar,
     
  • e um processo 2 que tambm precisa dos recursos A e B;

Imagine agora que, por alguma razo, o processo 1 consegue o recurso A e o processo 2 consegue o recurso B. O que acontece nesse caso um deadlock, por que o processo 1 no vai executar por que precisa do recurso B, mas tambm no vai liberar o recurso A. J o processo 2 precisa do recurso A (que est "nas mos" do processo 1) e tambm no libera B para o processo 1 funcionar.

Logo os dois processos ficam presos, sem poder executar e sem liberar os recursos j alocados, esperando eternamente o recurso que est preso. A soluo? Reiniciar o computador, como acontecia muito com os sistemas operacionais mais antigos.

 

(Fonte: Amperes Automation, Professor Sandro, Branqs Automao, Escola Secundria Ferrerira de Castro, Wikipedia, Frum do Clube do Hardware)

 

 
Atualizada em 08/09/2013